Empresários e secretários municipais investigados por fraudes em licitação são alvos de 113 mandados no Ceará

Empresários e secretários municipais investigados por fraudes em licitação são alvos de 113 mandados no Ceará

Dezembro 10, 2020 0 Por Simone Gomes

A Polícia Civil do Ceará cumpre 113 mandados na manhã desta quinta-feira (10), durante a “Operação Salus”, que apura fraudes em licitação e desvio de dinheiro público da área da saúde na cidade de Altaneira, a 495 quilômetros de distância de Fortaleza. Pelo menos 13 suspeitos foram presos, até as 8h30. A polícia não revelou a identificação dos presos.

Empresários e servidores públicos, como secretários municipais, estão entre os investigados pelo Núcleo de Repressão à Lavagem de Dinheiro e Combate à Corrupção (NRLD).

Conforme o delegado Juliano Sena, foram cumpridos 14 mandados de afastamento de função pública, 35 mandados de sequestro criminal de bens, 51 mandados de busca e apreensão e 13 pessoas foram presas preventivamente.

Ao todo, 120 policiais civis cumprem 113 mandados nas cidades de Altaneira, Nova Olinda, Antonina do Norte, Aurora, Crato, Barbalha, Juazeiro do Norte e Beberibe.

De acordo com Juliano Sena, as investigações sobre o caso duraram oito meses.